Descobrindo meu santo protetor através da data de nascimento

como saber meu santo protetor pela data de nascimento

Entender os Odus ou orixás de nascimento é uma ferramenta essencial para obter um maior autoconhecimento. Isso ocorre porque eles nos ajudam a compreender melhor nossas características pessoais.

A personalidade de cada indivíduo é composta por diversos aspectos, como a maneira como amam, lidam com suas emoções e enfrentam desafios. Para compreender melhor esses pontos importantes da personalidade, podemos recorrer aos Odus de Nascimento. Essas referências nos ajudam a entender de forma mais clara as características individuais de cada pessoa.

Compreender essas questões é fundamental para explorar a dinâmica espiritual individual e buscar melhorias em nossas decisões e perspectivas.

Entendendo a numerologia dos Orixás

É possível utilizar técnicas da numerologia para descobrir o Orixá de nascimento. Essas técnicas podem fornecer um maior entendimento sobre essa questão e indicar claramente qual é o Odu de Nascimento de cada indivíduo.

Os Odus são elementos essenciais que influenciam o comportamento e a mentalidade de cada indivíduo. Eles desempenham um papel importante no cálculo da numerologia, assim como em outras práticas que levam em conta a data de nascimento de uma pessoa.

Os Odus exercem uma influência significativa em diferentes aspectos da vida, assim como acontece na astrologia. É importante conhecer mais sobre esses elementos para compreender como podem afetar nossas decisões e comportamentos.

Numerologia dos Orixás: Origem e Fundamentos

A numerologia dos Orixás utiliza a data de nascimento das pessoas para determinar o Orixá correspondente a cada indivíduo. Cada pessoa terá uma soma única, que resultará em um número associado a um Orixá específico.

Orixás no Candomblé e na Umbanda

No Candomblé, os Orixás são descobertos pelos praticantes somente no momento que se faz a cabeça. Mas através dos búzios, as Mães e Pais de santo podem conseguir identificar qual é o Orixá que está à frente de cada pessoa.

Também é interessante destacar que na Umbanda, o processo acontece de forma semelhante. É preciso que os praticantes se insiram profundamente na religião para que tenham essa informação mais clara. Da mesma forma, os Pais e Mães de santo consegue identificar através da energia de cada pessoa qual é o seu Orixá de cabeça.

O que são as linhas de guia?

As linhas de guias são adereços usados em cerimônias religiosas das tradições afro-brasileiras, como o Candomblé e a Umbanda. Esses colares desempenham um papel importante durante as sessões e giras dessas religiões.

São usadas pelos frequentadores das casas em representação aos Orixás. Cada guia tem uma cor ou cores diferentes que fazem referência às cores que são relativas aos Orixás. Todos os Orixás possuem uma ou mais cores que os representam.

Como descobrir meu Orixá de cabeça?

Para descobrir o seu Orixá de cabeça através da Numerologia dos Orixás, é preciso somar a data completa do seu aniversário. Se a sua data de nascimento é o dia 12/09/1991, esse número precisa ser somado por completo: 1+2+0+9+1+9+9+1=31.

Como o número é maior do que 16, o número total de Orixás existentes, é preciso que ele seja reduzido. Assim, você terá que somar o número 3+1 = 4. Então, o Odu de Nascimento dessa pessoa será o de número 4.

Calculando seu Odu de nascimento

Ao todo, são 16 os Odus de nascimento. Por isso, o cálculo descrito leva em consideração a redução para que se encontre corretamente o representante adequado. Dessa forma, uma pessoa que tem uma soma final 4, será representada pelo Odu de nascimento Ysorun.

Uma pessoa que nasce em uma data cuja soma final é 9, por exemplo, terá o Odu de Nascimento Osá como seu representante. Esse Odu pode orientar e dar significado às suas ações. E assim por diante…

You might be interested:  como achar o instagram de uma pessoa pela foto

Esse é um cálculo bem simples, mas é importante que os que querem conhecer mais à fundo possam buscar conhecimento da religião através da Umbanda ou do Candomblé, visto que terão contato com mais informações e vivências a respeito das entidades que regem o mundo.

Número 1 – Okanran

Okanran é regido por Exu e faz com que as pessoas influenciadas por ele sejam vistas como agressivas. Mas, a realidade é que são pessoas que buscam por independência na vida e se esforçam para construir esse bem de grande valor para si. Além disso, são pessoas que lutam muito para conquistar os seus objetivos e possuem uma força muito grande para isso.

Número 2 – Ejiokô

São regidos por Ibejis e Ogum. Assim, faz com que as pessoas influenciadas por ele sejam muito calmas e seguras dos seus comportamentos e decisões. Mas, por outro lado, a realidade é que a mente dessas pessoas sempre está se movimentando e elas estão cheias de informação flutuando a todo o momento, com medo de demonstrar que também possuem incertezas.

Número 3 – Eta-Ogundá

Eta-Ogundá é regido por Ogum e Obaluaê, o que faz dessa pessoa alguém muito obstinado e decidido. São pessoas inconformadas e que sempre estão atrás de agito e de novas emoções para serem vividas. As principais qualidades dessas pessoas mostram muita coragem e criatividade, capaz de fazer com que elas conquistam todos os seus sonhos e atinjam o sucesso que tanto almejam.

Número 4 – Yrosun

Regidos por Iansã e Iemanjã, as pessoas com o Odu Yrosun são serenas e dispostas. Além disso, buscam ver as situações da vida com o máximo de clareza possível. São muito objetivas e sempre encontram novas formas de resolver alguma questão pendente, por mais confusas e complexas que elas possam ser. Vale citar que são pessoas de muita força moral e usam isso para atingir os seus objetivos.

Número 5 – Oxé

São regidos por Oxóssi e Xangô. Portanto, o Odu Obará mostra pessoas que são firmes e que estão dispostas a lutar com todas as suas forças pelo que desejam. São pessoas que estão sempre em busca de obter sucesso material e conseguem porque não desistem dos seus objetivos mesmo diante de vários obstáculos. No campo amoroso, entretanto, podem exigir muito das outras pessoas.

Descobrindo o santo do dia de nascimento

Os signos do zodíaco relacionados aos orixás são:

– Ogum (Áries) – 21/3 a 20/4

– Oxóssi (Touro) – 21/4 a 20/5

– Ibejis (Gêmeos) – 21/5 a 20/6

– Oxum (Câncer) – 21/6 a 21/7

– Xangô (Leão) -22/7 a 22/8

– Obaluaiê (Virgem) -23/8 a 22//9

-Oxumaré(Libra)-23//9a22//10

Número 7 – Odi

Sob a influência de Omolu e Exu, aqueles que possuem o Odu Odi estão constantemente em busca da realização pessoal e satisfação através das suas ações. Ao invés de se lamentarem pelo que poderiam ter feito, eles direcionam sua energia para reverter situações adversas e alcançar seus objetivos.

Como saber qual é o meu santo?

Pesquisa online. Uma das maneiras mais fáceis de descobrir o seu santo protetor é fazer uma pesquisa online.

– Consulte um sacerdote ou religioso.

– Leia sobre os santos.

– Participe de novenas e festividades religiosas.

– Conclusão.1 Du 2023

Número 8 – Ejionile

Ejionile é regido por Xangô Airá, Ogum e Oxaguiãn. Esse Odu mostra pessoas que possuem uma mente muito afiada e disposta, o que faz com que esta seja uma pessoa com uma capacidade muito grande para se comunicar, visto que é extremamente falante. Mas também encaram desafios e correm atrás para chegar ao topo e conquistar os seus desejos.

Descobrindo meu santo de devoção

Em primeiro lugar, para que se possa escolher uma devoção, é preciso conhecer a história de vida dos santos. Nada melhor para isso que, a cada dia, ler a história do santo daquele dia, disponível em muitos livros ou mesmo na internet. Ao ler, algumas histórias se parecerão distantes, e outras parecerão mais próximas.

Número 9 – Osá

Regido por Iemanjá e Iansã, o Odu Osá mostra que essa é uma pessoa que faz tudo de forma bastante atenciosa e levando em consideração os mínimos detalhes. Gostam de avaliar cuidadosamente tudo ao seu redor antes de agir. Essas pessoas possuem uma visão de mundo muito ampla, o que permite que façam análises mais profundas de tudo.

Santos correspondentes a cada signo do zodíaco

Áries (21/3 a 20/4) – SÃO JORGE.

– Touro (21/4 a 20/5) – SÃO SEBASTIÃO.

– Gêmeos (21/5 a 20/6) – SÃO COSME E SÃO DAMIÃO.

– Câncer (21/6 a 21/7) – NOSSA SENHORA DO CARMO.

– Leão (22/7 a 22/8) – SÃO JERÔNIMO.

You might be interested:  Como verificar a aprovação do meu benefício do INSS?

– Virgem (23/8 a 22/9) – SÃO ROQUE.

– Libra (23/9 a 22/10) – SÃO BARTOLOMEU.More items

Número 10 – Ofun

O orixá Ofun é governado por Oxalá, o que implica que as pessoas influenciadas por sua energia podem ter uma personalidade mais reservada para aqueles que não as conhecem bem. Na verdade, isso serve como um escudo de proteção para evitar abusos devido à sua natureza altruísta e vontade de ajudar. Essas pessoas são sensíveis e tranquilas, capazes de se adaptar rapidamente a qualquer situação necessária.

Número 11 – Owanrin

Owanrin é regido por Ogum e esse Odu mostra que as pessoas que são influenciadas por ele vivem vidas muito apressadas. Isso acontece porque elas desejam muito viver a vida de forma intensa. Assim, são corajosas e muito agitadas. Pode ser que essas pessoas não conquistem muito sucesso no campo material, mas, em geral, conseguem construir vidas felizes.

Número 12 – Ejilaxeborá

O Odu Ejilaxeborá confere às pessoas influenciadas por ele muito apreço pelo senso de justiça. São pessoas que não conseguem ficar na presença de um ato de injustiça sem que tomem uma atitude. Mas é preciso que tenham cuidado com essa sede de resolver tudo ao seu redor, pois isso pode fazer com que se tornem intolerantes ao menor erro alheio.

Número 13 – Eji-Ologbon

Eji-Olgbon é um Odu de Nascimento que mostra uma pessoa que frequentemente pode se sentir muito cansada e até mesmo deprimida. Mas, por outro lado, possui uma capacidade muito grande de usar a sua mente para pensar em formas de se adaptar às situações ao seu redor e tirar o melhor disso para as suas vidas. Conseguem se adaptar aos ambientes e às pessoas com as quais precisam conviver.

Número 14 – Iká-Meji

Regido por Oxumaré, Ika-Meji traz para as pessoas paciência e muita sabedoria nas suas atitudes. Essa é uma pessoa que vai conseguir se destacar pela sua versatilidade e também consegue se desenvolver em qualquer tipo de atividade que desejar. Provavelmente passará por problemas com questões materiais, mas conseguirá supera-los facilmente.

Número 15 – Obe-Ogundá

Obe-Ogundá é regido por Ogum, Iemanjá, Obá e Omolu. São pessoas muito rebeldes e cheias de desejos. Podem ser muito teimosas e acabam se defendendo de forma excessiva em relação aos seus pontos de vista. Isso acontece mesmo quando estão erradas. Insistem em defender o que pensam, não se importando com mais nada. É preciso que tenham cuidado porque podem se estressar de uma forma muito grande.

Número 16 – Alafiá

Regido por Oxalá e Orumilá, Alafiá traz para as pessoas uma tranquilidade a mais nas suas vidas, além de influenciar positivamente para que seja uma pessoa muito feliz e realizada. Além disso, em geral, são aquelas pessoas conhecidas por trazer alegria e paz para qualquer ambiente que se inserem.

Como o seu Orixá pode influenciar na sua vida?

Os Oirxás podem influenciar a vida das pessoas pelas suas características pessoais. Cada um deles tem um detalhe que faz ser único e, assim, as pessoas que contam com essa influência e impacto a mais de determinados Orixás se comportarão de forma semelhante a eles, com ações mais abruptas, mais calmas e outros detalhes.

Portanto, a influência dos Orixás a vida das pessoas se dá dessa maneira: mostrando características muito claras e guiando as pessoas para os seus caminhos de luta e de conquistas.

: Como saber meu Orixá de cabeça? Descubra o seu pela data do nascimento!

Qual o orixá de cada signo?

Ogum – protetor de Áries.

– Oxóssi – protetor de Touro.

– Ibejis – protetor de Gêmeos.

– Oxum – protetor de Câncer.

– Xangô – protetor de Leão.

– Obaluiê – protetor de Virgem.

– Oxumaré – protetor de Libra.

– Nanã – protetor de Escorpião.More items

Quantos orixás uma pessoa pode ter?

A quantidade de orixás varia de acordo com o tipo de candomblé. Podem ser até 20 orixás, e cada um possui uma característica de ação. Quantos orixás uma pessoa pode ter? Além dessas duas divindades, uma pessoa pode incorporar a proteção de outros deuses, completando o número máximo de sete orixás .

Descubra meu Exu principal

Uma das maneiras mais tradicionais de descobrir qual é o seu santo protetor, também conhecido como Exu, é através de uma consulta com um Babalorixá (no caso dos homens) ou Ialorixá (no caso das mulheres). Esses são sacerdotes do Candomblé que possuem amplo conhecimento e experiência para identificar as entidades espirituais que estão ligadas a cada pessoa.

Durante essa consulta, o Babalorixá ou Ialorixá realiza um processo chamado jogo de búzios. Esse jogo consiste em lançar conchas sagradas e interpretar os padrões formados por elas. Através dessa interpretação, o sacerdote pode identificar quais são as entidades espirituais que acompanham a pessoa em sua jornada espiritual.

You might be interested:  Como reduzir a pressão arterial em 5 minutos

É importante ressaltar que esse processo não se baseia apenas na data de nascimento da pessoa, mas sim em diversos fatores como energia pessoal, histórico familiar e vivências passadas. Portanto, cada consulta é única e personalizada para cada indivíduo.

Ao descobrir qual é o seu Exu protetor através dessa consulta com um Babalorixá ou Ialorixá, você terá acesso a informações valiosas sobre suas características pessoais e orientações espirituais específicas para seguir no caminho religioso do Candomblé.

Lembrando sempre que essas consultas devem ser realizadas por profissionais capacitados e respeitando as tradições religiosas afro-brasileiras. É fundamental buscar orientação adequada dentro desse contexto cultural para obter informações precisas sobre seu santo protetor e sua jornada espiritual.

Como identificar se você é descendente de Oxum?

As filhas de Oxum são conhecidas por sua vaidade e valorização do amor, seja o amor próprio ou pelos outros. Elas exalam beleza e sensualidade, pois são seres honestos e dedicados. Herdando as características dessa poderosa orixá, as filhas de Oxum ostentam carinho e calmaria em suas personalidades. Essa tranquilidade interior lhes traz muita sorte no amor, permitindo que elas cultivem relacionamentos harmoniosos e duradouros.

Além disso, as filhas de Oxum também possuem uma grande conexão com a natureza. Assim como a água flui suavemente pelo rio, essas mulheres têm uma capacidade natural de se adaptar às situações da vida com facilidade. Elas sabem como fluir com os desafios que surgem em seu caminho sem perder sua essência gentil.

Outra característica marcante das filhas de Oxum é a sua generosidade. Elas estão sempre prontas para ajudar aqueles ao seu redor, oferecendo apoio emocional e material quando necessário. Sua bondade inata atrai pessoas para perto delas, criando um círculo social rico em amizades verdadeiras.

Por fim, é importante destacar que as filhas de Oxum possuem uma intuição aguçada. Elas têm a capacidade de perceber sutilezas nas emoções das pessoas ao seu redor e podem oferecer conselhos sábios baseados nessa percepção profunda. Essa habilidade torna-as excelentes confidentes e conselheiras para seus amigos próximos.

Descobrindo minha linhagem orixá

Para descobrir seu orixá, é necessário passar por um jogo de búzios realizado por um sacerdote ou sacerdotisa do Candomblé. Os principais orixás do Candomblé são:

1. Exu: Orixá mensageiro e guardião dos caminhos.

2. Ogum: Orixá guerreiro e protetor das batalhas.

3. Oxóssi: Orixá caçador e protetor da natureza.

4. Xangô: Orixá da justiça, trovão e fogo.

5. Iansã: Orixá dos ventos, tempestades e transformações.

6. Oxum: Orixá feminino das águas doces, amor e fertilidade.

7. Iemanjá: Mãe dos oceanos, protetora das famílias e maternidade divina.

8. Nanã Buruquê: Anciã dos pântanos, ligada à ancestralidade.

Esses são alguns dos principais orixás cultuados no Candomblé brasileiro, cada um com suas características específicas de proteção espiritual para aqueles que os seguem religiosamente conforme sua data de nascimento determina através do jogo de búzios feito pelos sacerdotes ou sacerdotisas especializados na tradição religiosa afro-brasileira do Candomblé

Descobrindo meu Exu protetor

Uma forma comum de descobrir qual Exu te acompanha é através de uma consulta com um Pai de Santo ou Mãe de Santo. Esses líderes religiosos possuem conhecimento e experiência para identificar qual Exu está ligado a você.

1. 20/01 – São Sebastião

2. 19/02 – São José

3. 21/03 – São Benedito

4. 20/04 – Santa Clara

5. 21/05 – Santa Rita de Cássia

6. 24/06 – São João Batista

7. 25/07 – Santiago Maior (São Tiago)

8. 15/08 – Nossa Senhora da Assunção

9. 29/09 – Arcanjo Miguel

10 .31 /10- Nossa Senhora Aparecida

Lembrando que essa lista é apenas uma referência geral, pois cada pessoa pode ter diferentes influências espirituais em sua vida, dependendo do seu caminho religioso e crenças pessoais.

É importante ressaltar que o melhor caminho para descobrir seu santo protetor é buscar orientação junto a um líder religioso capacitado, como um Pai ou Mãe de Santo, que poderá realizar rituais específicos e fornecer informações mais precisas sobre sua proteção espiritual.